Flávio Ribeiro: Globo.com

Flávio Ribeiro: Globo.com

Eu gosto muito quando alguém me sugere um livro, filme, música ou pessoa para conhecer, e depois de trocar uns e-mails com meu amigo Yuri Malheiros na semana passada, decidi convidar o Flávio Ribeiro para uma entrevista! O Flávio é um engenheiro de software que trabalha na Globo.com no Rio de Janeiro (na entrevista parecia que ele estava sentado bem no meio de Interlagos hehehe) e está na equipe responsável por toda a área de streaming de conteúdo pela net!

Durante nosos bate-papo ele me contou sobre como que sua equipe usa a metodologia SCRUM para administrar e planejar suas tarefas, quais as tecnologias usadas internamente e como que o software livre faz parte do dia-a dia da companhia, que oferece vários incentivos para que seus empregados participem deste mundo! Ele também conta sobre sua recem viagem à Nova York para participar do evento Streaming Media East 2012 e sobre como foi passear por NYC já no comecinho do verão, tomar sorvete no parque, a decepção ao ver a Estátua da Liberade, e como é difícil acompanhar os jogos do Treze Futebol Clube lá do Rio de Janeiro!

Júlio Monteiro: JobScore

Júlio Monteiro: JobScore

Depois de ter falado um pouco com pessoas que usam Python ou Django no seu dia-a-dia, eu decidi entrevistar alguém que trabalha com o framework Ruby on Rails para este episódio! Dentre as pessoas que eu conheço (online e pessoalmente) o nome do Júlio Monteiro foi o primeiro que passou pela minha cabeça.

Eu e o Júlio nos conhecemos na época que participávamos da comunidade Ubuntu Brasil, mas desde então eu tinha perdido um pouco de contato com ele, até descobrir que ele estava trabalhando para a JobScore com Ruby on Rails. A JobScore que tem sua sede em San Francisco na Califórnia, fornece um serviço de gestão de currículos, trabalhos e candidatos para aquelas companhias que querem contratar alguém mas não querem lidar com o processo de publicar as ofertas de trabalho ou gerenciar todos os e-mails que sejam enviados.

Durante nosso bate-papo, o Júlio então conta a sua jornada até a JobScore, tudo começando com uma queda da escada de sua casa! Depois de aprender HTML com uma revista que sua mãe comprou, ele tomou o gosto pela programação para web, e desde então não parou mais. Conversamos sobre como ele administrava aulas de Ruby, por que usa Ruby on Rails, seu dia-a-dia na JobScore, sua experiência em San Francisco, como que as companhias por lá dão mais valor aos empregados, e o seu Top 5!