Everaldo Canuto: Toca do Canuto

Everaldo Canuto: Toca Do Canuto

Eu conheci o Everaldo em uma tarde super calorenta durante a abertura do evento GUADEC nas Ilhas Canárias. O mais interessante foi que não demorou mais que um dia para que nossa amizade se tornasse igual aquelas amizades que fazemos quando criança... aquelas pessoas que não importa o tempo ou a distância, você sempre fica feliz de encontrar e bater um papo!

O Everaldo teve uma das oportunidades que eu sempre sonhei em ter: trabalhar lado a lado com o Miguel de Icaza, um dos fundadores do Projeto GNOME, figura quase que mitológica do mundo do software livre e hoje empresário com várias companhias de sucesso em seu histórico! Ele também trabalhava com a tecnologia .NET numa época quando qualquer coisa que fosse remotamente relacianada à Microsoft era motivo para perseguição e "trollage" pelos apoiadores mais zelosos do Linux. Durante grande parte de nosso bate-papo, conversamos sobre como que ele foi parar na Novell trabalhando para a equipe do Miguel, como era o dia-a-dia lidando com o sentimento anti- Microsoft, quais tecnologias ele recomenda para quem está começando a trabalhar na área de TI, o "problema" do Java, e sobre seu mais novo projeto, Toca do Canuto.

Edição de 2 Anos - Og Maciel: Red Hat

Edição De 2 Anos - Og Maciel: Red Hat

Usando um velho cliché, realmente parece que foi somente ôntem que eu e o Evandro, um dia batendo papo pelo Skype, resolvemos iniciar um programa de podcast para entrevistar as personalidades do mundo de software livre brasileiro, e tentar conhecer um pouco mais sobre os "bastidores" de suas vidas, seus gostos e desgostos. A idéia era fazer algo diferente e tentar passar para os ouvintes um pouco das coisas que afetaram a vida das pessoas que muitos só conhecem através de perfís online ou e-mails em listas de discussões... enfim, um podcast "bom para castálio"! Passados 50 episódios, no dia 16 de fevereiro este projeto completou 2 anos de vida!

Para comemorar este nosso marco histórico, resolvi atender os pedidos de alguns ouvintes e tentar novamente publicar uma entrevista comigo mesmo! Para as pessoas que acompanham o podcast, vocês devem se lembrar que o nosso episódio piloto foi comigo também, numa época onde ainda estávamos explorando um formato e testando as tecnologias que iríamos usar. Naquela época nem existia o Top 5 ainda! Então, uma vez que decidi fazer a entrevista "Part 2", eu precisava encontrar alguém para me entrevistar, já que o Evandro não participa desde o terceiro episódio. Duas pessoas se prontificaram a desempenhar este papel, todos eles amigos que me conhecem há alguns anos e mais que capazes de fazer perguntas interessantes... e no final eu pedi ao meu amigo KurtKraut (que já foi entrevistado aqui) para me entrevistar.

O nosso bate-papo, que foi publicado ao vivo pelo Youtube, rolou por mais de 1 hora, e durante estes 60+ minutos conversamos sobre a origem do meu nome, como que eu vim parar nos Estados Unidos há 21 anos atrás, minha carreira como programador, minha vinda para a Carolina do Norte, sobre o Ubuntu, compilando kernels, trabalhando na Red Hat, privacidade, e meu Top 5!

Flávio Ribeiro: Globo.com

Flávio Ribeiro: Globo.com

Eu gosto muito quando alguém me sugere um livro, filme, música ou pessoa para conhecer, e depois de trocar uns e-mails com meu amigo Yuri Malheiros na semana passada, decidi convidar o Flávio Ribeiro para uma entrevista! O Flávio é um engenheiro de software que trabalha na Globo.com no Rio de Janeiro (na entrevista parecia que ele estava sentado bem no meio de Interlagos hehehe) e está na equipe responsável por toda a área de streaming de conteúdo pela net!

Durante nosos bate-papo ele me contou sobre como que sua equipe usa a metodologia SCRUM para administrar e planejar suas tarefas, quais as tecnologias usadas internamente e como que o software livre faz parte do dia-a dia da companhia, que oferece vários incentivos para que seus empregados participem deste mundo! Ele também conta sobre sua recem viagem à Nova York para participar do evento Streaming Media East 2012 e sobre como foi passear por NYC já no comecinho do verão, tomar sorvete no parque, a decepção ao ver a Estátua da Liberade, e como é difícil acompanhar os jogos do Treze Futebol Clube lá do Rio de Janeiro!